Menu
Farmácia Anagallis Carrinho de Compras 11
Carrinho de Compras Meu Carrinho 11

Cafeína: Benefícios e Como Consumir de Forma Saudável


Cafeína

A cafeína, uma substância naturalmente presente em algumas plantas, como nos grãos de café e em determinadas folhas que são utilizadas para fazer chá, tem sido parte integrante de muitas culturas ao redor do mundo. Seu papel na promoção de energia e alerta é amplamente reconhecido, mas explorar seus efeitos e benefícios é essencial para entender como incorporá-la de forma saudável em nosso cotidiano.

AFINAL, O QUE É CAFEÍNA?

A cafeína é um composto químico pertencente à classe das xantinas, conhecido por suas propriedades estimulantes. É encontrado naturalmente em algumas plantas, como café e cacau, e atua como um estimulante do sistema nervoso central. Ao bloquear temporariamente a ação da adenosina, um neurotransmissor que promove o relaxamento e a sonolência, provoca um aumento nos níveis de outros neurotransmissores, proporcionando uma sensação de alerta, energia e concentração.

QUAIS SÃO OS BENEFÍCIOS DA CAFEÍNA?

Este composto bioativo pode ser mais do que apenas um estimulante para acordar pela manhã. Seus efeitos vão além da simples energia instantânea, proporcionando uma série de benefícios à saúde quando consumida com moderação

Promove mais energia

Assim como já é de conhecimento popular, a cafeína realmente dá mais energia, atuando como um estimulante natural do sistema nervoso central. Ao bloquear a ação da adenosina, um neurotransmissor que promove o relaxamento e a sonolência, ela aumenta a atividade cerebral, levando a um estado mais alerta. No entanto, a duração e a intensidade desse efeito podem variar de pessoa para pessoa.

Aproveite e conheça o Suplera TCM+Cafeína, formulado especialmente para auxiliar no gerenciamento de peso, melhorar a performance nos treinos e promover mais energia para o dia a dia. Saiba mais clicando aqui!

Melhora do Desempenho Físico

Ao estimular a liberação de ácidos graxos das reservas de gordura, fornece uma fonte adicional de energia durante a prática de atividades físicas. Esse benefício contribui para um melhor desempenho em exercícios físicos e treinos.

Possui Propriedades Antioxidantes

Suas propriedades antioxidantes combatem os radicais livres e auxiliam na prevenção do estresse oxidativo. Essa característica é fundamental para manter a saúde celular e pode contribuir para a prevenção de doenças crônicas.

Melhora o Humor e Promove Bem-Estar

Além de agir no sistema nervoso central, a cafeína pode influenciar neurotransmissores como a dopamina. Esse efeito contribui para a melhoria do humor e pode ter impactos positivos na saúde mental.

Promove Mais Saúde Cerebral e Previne Doenças Neurodegenerativas

Algumas pesquisas sugerem que o consumo moderado de cafeína pode estar associado a um menor risco de desenvolvimento de condições neurodegenerativas, como o Alzheimer e o Parkinson. Esses benefícios neuroprotetores continuam sendo objeto de estudo.

Auxilia no gerenciamento do peso

Contém propriedades termogênicas, auxiliando no gerenciamento de peso ao aumentar a taxa metabólica e promover a queima de calorias.  Dessa forma, favorece melhores resultados dos treinos.

Ao apreciar de maneira consciente e moderada, é possível aproveitar uma série de benefícios à saúde que vão além da energia instantânea, transformando-a em uma aliada para um estilo de vida equilibrado.

A CAFEÍNA FAZ MAL?

Há debates sobre os potenciais efeitos negativos. Em excesso, pode causar insônia, irritabilidade e até mesmo dependência. Indivíduos sensíveis podem experimentar palpitações cardíacas e nervosismo. Além disso, o consumo excessivo pode levar à desidratação. No entanto, é importante ressaltar que, para a maioria das pessoas, a cafeína em quantidades moderadas não está associada a riscos significativos para a saúde.

Gestantes devem limitar a ingestão de cafeína, pois altos níveis podem estar associados a complicações na gravidez. Mulheres lactantes devem moderar o consumo,  pois pode passar para o leite materno. Crianças devem evitar excessos, pois são mais sensíveis aos seus efeitos, podendo afetar o sono e o desenvolvimento. Consulte um profissional de saúde para obter orientações específicas.

COMO CONSUMIR CAFEÍNA DE FORMA SAUDÁVEL?

A chave para usufruir plenamente dos benefícios é incorporá-la na rotina de maneira consciente e equilibrada. Entender como utilizar essa substância de forma saudável não apenas maximiza seus efeitos positivos, mas também evita potenciais desconfortos associados ao consumo excessivo. A seguir, algumas opções para consumir de forma saudável e consciente:

Café, Chá e outras Bebidas

As bebidas que contém cafeína incluem café, chá (preto e verde), energéticos, bebidas esportivas e chocolate quente. Estas oferecem opções variadas para quem busca um estímulo energético. A ingestão moderada e distribuída ao longo do dia pode ajudar a evitar picos e quedas abruptas nos níveis de energia. Além disso, é essencial considerar os acompanhamentos, evitando adições excessivas de açúcar e gorduras, para manter uma abordagem saudável.

Alimentos com cafeína

Existem alimentos que contém cafeína, como o chocolate (amargo ou ao leite), cacau em pó, guaraná, bolos preparados com café, barras de energia e proteína. Também existem sobremesas que incorporam café, como tiramisù. Ao escolher esses alimentos, é crucial atentar para os rótulos nutricionais e manter uma abordagem equilibrada para sua ingestão. E, claro, sempre com o aval de um nutricionista.

Suplementação em Cápsulas

Para muitos, a praticidade das cápsulas é uma opção atraente. Ao optar por suplementos em cápsulas, a dosagem torna-se controlada e fácil de incorporar à rotina diária. Essa forma de suplementação é especialmente conveniente para aqueles que buscam uma alternativa livre do sabor característico do café ou chá, enquanto desejam manter uma abordagem saudável e equilibrada.

CUIDADOS AO CONSUMIR CAFEÍNA

Seja qual for a forma de consumo, é importante estabelecer limites claros na ingestão diária, determinando uma quantidade adequada, levando em consideração fatores como peso, sensibilidade e tolerância. Também deve-se evitar o consumo muito próximo do horário de dormir para não afetar o sono.

Ao adotar uma abordagem consciente, escolhendo as formas adequadas de consumo e entendendo os limites pessoais, é possível transformar este ativo em um aliado eficaz para promover energia, saúde e equilíbrio.

Consulte um profissional de saúde para determinar a quantidade adequada e compreender como essa substância pode interagir com as necessidades individuais.

 

Fonte: Portal Tua Saúde | "Cafeína e Esporte" - Scielo | SBAN - Sociedade Brasileira de Alimentação e Nutrição

Imagem de 8photo no Freepik

Deixe seu comentário.