Hibisco – 6 benefícios e como usar


Hibisco

A flor de Hibisco, de nome científico Hibiscus sabdariffa., é famosa por suas propriedades que favorecem o processo de emagrecimento – mas os benefícios não param por aí. Confira este artigo até o final para saber mais!

Acesse o site da Anagallis para conferir nossas novidades e promoções.

PARA QUE SERVE O HIBISCO?

O extrato de Hibisco possui propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias, sendo um grande aliado na redução de peso corporal e na prevenção de algumas doenças. É possível encontrar o extrato em cápsulas manipuladas, sozinho ou em associações, ou ainda, em forma de chá.

Conheça o Cactin Composto da Anagallis – formulado com a combinação de Cactin (extrato do cacto Opuntia fícus-indica) + Hibisco + Abacateiro + Cavalinha.

O CHÁ DE HIBISCO

É possível fazer o chá de hibisco em casa, de forma simples e prática – para 300ml de água fervente, adicione 2 colheres de sopa cheias de flores de hibisco seco. Se você utilizar a opção em sachês, utilize 2 sachês, e se for em pó, utilize 1 colher se sopa. Desligue o fogo, abafe o recipiente por 10 minutos, coe e beba.

Antes de iniciar o consumo, consulte sempre um profissional de saúde habilitado.

6 BENEFÍCIOS DO EXTRATO

Confira os benefícios que o uso do extrato pode proporcionar.

FAVORECE O EMAGRECIMENTO

A pergunta que não quer calar – Chá de Hibisco emagrece? Sim. O chá de Hibisco e outras formas de uso do extrato são capazes de ajudar na redução de peso e medidas. Algumas pesquisas indicam que suas propriedades evitam o acúmulo de gordura no corpo. Além disso, há evidências de que ele seja capaz de reduzir a produção de amilase, enzima que transforma amido em açúcar.

É importante ressaltar que, embora os efeitos do extrato para emagrecer sejam reais, o seu consumo deve ser inserido em uma rotina equilibrada, isto é, uma alimentação balanceada, a prática de exercícios físicos e evitar hábitos prejudiciais continuam sendo medidas necessárias para reduzir o peso corporal, ok?!

DIMINUI A PRESSÃO ARTERIAL

Alguns estudos apontam que o Hibisco pode ajudar na diminuição da pressão arterial, auxiliando nos casos de hipertensão – essa ação é atribuída à presença de antocianinas com efeitos anti-hipertensivos.

Uma pesquisa divulgada no The Journal of Nutrition, analisou 65 pessoas com hipertensão que tomaram o chá de hibisco ou placebo durante 6 semanas. O resultado mostrou que os indivíduos que fizeram o uso do chá, tiveram redução significativa da pressão arterial.

REDUZ E PREVINE A RETENÇÃO DE LÍQUIDO

O Hibisco possui ação diurética por conter quercetina, favorecendo a eliminação de líquidos e toxinas presentes no organismo, o que ajuda a desinchar.

MELHORA A SAÚDE HEPÁTICA

O extrato é capaz de aumentar as enzimas desintoxicantes no organismo e reduzir os danos ao fígado. Uma pesquisa divulgada no The Journal of Functional Foods, testou esse efeito em 19 pessoas com sobrepeso, que fizeram o uso do extrato por 2 meses – o resultado mostrou melhora da esteatose hepática (distúrbio caracterizado pelo acúmulo de gordura no fígado, e que pode levar à insuficiência hepática).

ATUA NO CONTROLE DO COLESTEROL

Inserir o Hibisco na rotina promove efeitos positivos no controle do colesterol e triglicerídeos, até mesmo em pessoas com diabetes e síndrome metabólica. O Journal of Traditional and Complementary Medicine divulgou um estudo em que 60 pessoas portadoras de diabetes consumiram o chá de hibisco ou o chá preto – as pessoas que consumiram o chá de hibisco tiveram redução do colesterol ruim e aumento do colesterol bom.

PREVINE O ENVELHECIMENTO PRECOCE E FAVORECE A LONGEVIDADE

Seus efeitos antioxidantes ajudam no combate aos radicais livres (substâncias instáveis que prejudicam as células), contribuindo para a manutenção da saúde e retardando o envelhecimento sistêmico.

Muitos estudos também atribuem aos seus efeitos antioxidantes, a redução dos riscos de desenvolvimento de alguns tipos de câncer, como o de boca e estômago, por exemplo.

CHÁ DE HIBISCO – MENSTRUAÇÃO, GRAVIDEZ E HORMÔNIOS

O Hibisco pode reduzir os níveis de estrogênio no organismo e também alterar a fertilidade. Especialistas indicam que o extrato deve ser evitado por pessoas que fazem terapias de reposição hormonal, além de não ser recomendado para mulheres grávidas e lactantes.

Embora seja um extrato natural, repleto de benefícios para a saúde, o uso do chá ou qualquer forma do extrato de Hibisco, requer cuidados – consulte sempre seu médico de confiança ou profissional de saúde habilitado antes de iniciar a administração.

Fontes consultadas: VivaBem Uol | Tua Saúde.

Deixe seu comentário.